Prefeitura de Goiânia – 84 anos

 

 

 

 

Prefeitura de Goiânia – Prestação de contas (VT)

 

 

Governo do Tocantins – Dia Internacional da Mulher

 

 

 

Governo do Tocantins – 29 anos

 

 

Gurupi Agora Tem! (VT)

 

 

 

SINAL VERDE PARA A VIDA

O CLIENTE

Entre as principais frentes de trabalho da Prefeitura de Goiânia, está o esforço para reduzir
o número de vítimas do trânsito por meio de campanhas educativas e fiscalização.

 

NOSSO DESAFIO

Criar uma campanha para conscientizar toda a população sobre a importância de respeitar as leis de trânsito
e assim diminuir o número de acidentes envolvendo motoristas, motociclistas e pedestres nas ruas da capital.

 

RESPOSTA CRIATIVA

Além dos meios off (TV, rádio, jornal, etc.) a campanha também aproveitou algumas redes sociais para construir uma comunicação convergente. Foi criado o Programa Sinal Verde para Vida, e importantes nomes da sociedade goianiense aderiram voluntariamente a este movimento, emprestando a sua imagem a filmes de TV e spots. Foram veiculados também outros VT’s educativos com mensagens de impacto contra o uso do celular, excesso de velocidade e demais infrações.

 

 

TALENTOS ENVOLVIDOS

 

 

SANTA CASA

O CLIENTE

O Movimento Nacional das Santas Casas e Hospitais Filantrópicos atua fortemente para garantir o direito ao atendimento dos pacientes pelo Sistema Único de Saúde, reivindicando os pagamentos atrasados para a continuidade do trabalho. 

 

NOSSO DESAFIO

Criar uma campanha de mobilização para o Movimento Acesso à Saúde – Meu Direito é um dever do Governo, mostrando as dificuldades enfrentadas pelas Santas Casas e Hospitais Filantrópicos, e como isso pode afetar gravemente o tratamento de pacientes graves atendidos pelo SUS.

 

RESPOSTA CRIATIVA

Com forte presença nas redes sociais, a campanha também teve um filme para televisão e um spot para informar sobre a situação de risco e mobilizar a sociedade para o Dia D em Defesa da Ação Nacional que aconteceu em Brasília. 

 

 

 

Talentos Envolvidos

 

 

DOAÇÃO DE ÓRGÃOS

O CLIENTE

Nos últimos anos, a Secretaria de Estado da Saúde de Goiás tem investido na comunicação, principalmente por meio de novas plataformas.
O objetivo é promover o engajamento e a multiplicação das campanhas do calendário oficial da Saúde e contribuir com a prevenção,
a informação e a melhoria da qualidade de vida no Estado.

 

NOSSO DESAFIO

Devido aos rumores de tráfico e venda de órgãos em todo o mundo, as pessoas passaram a adotar um comportamento desconfiado e contrário à doação. Ficava claro para os profissionais de saúde do Estado que as pessoas não confiavam nas políticas e procedimentos relacionados à doação. Outro problema era a falta de informação. A campanha precisava aumentar o número de doações, promover a adesão dos goianos à causa e desmistificar informações.

 

RESPOSTA CRIATIVA

Criação da campanha “Um herói de verdade nunca morre”, que reúne peças que exploram testemunhais de pessoas que tiveram suas vidas salvas graças à generosidade de quem optou por dizer sim à doação de órgãos. A campanha contou com filme de 30″, spot de 30″, outdoor, cartaz e folder, além de flashmob organizado no principal cartão postal de Goiânia, a Praça Cívica.

 

 

 

Talentos Envolvidos

 

RESULTADOS

Aumento do número de transplantes   %
Ranking geral de transplantes do Ministério da Saúde   º lugar 
Estimativa da mídia espontânea gerada pela campanha   Reais

 

DENGUE MATA

O CLIENTE

Nos últimos anos, a Secretaria de Estado da Saúde de Goiás tem investido na comunicação, principalmente por meio de novas plataformas. O objetivo é promover o engajamento e a multiplicação das campanhas do calendário oficial da Saúde e contribuir com a prevenção, a informação e a melhoria da qualidade de vida no Estado.

NOSSO DESAFIO

Criar uma campanha que causasse impacto na população, fazendo-a entender a importância de colaborar com a prevenção, e que pudesse ter uma durabilidade para todo o ano, mas sem se tornar cansativa.

 

RESPOSTA CRIATIVA

Foi criada a campanha “Dengue mata”, explorando o testemunhal e contando a história de pessoas que morreram de dengue. O foco foi sensibilizar a população de que todo mundo sabe como a dengue começa e onde ela pode terminar, caso as pessoas não colaborem no combate aos focos criatórios do mosquito Aedes Aegypti.

 

TALENTOS ENVOLVIDOS